Setor Escolar

O Programa MEDIARE de Habilidades para o Diálogo nas Escolas tem como objetivo ampliar recursos pessoais para o diálogo, assim como recursos de gestão de pessoas e de conflitos. Por meio do aprimoramento de habilidades de comunicação e de negociação, de destrezas socioemocionais e de posturas cooperativas na convivência dos que compõem as comunidades escolar e universitária – alunos, pais, professores, comunidades, prestadores de serviço, gestores e demais funcionários – pode-se oferecer a esse universo de diferenças uma ambiência mais favorável ao aprendizado e à formação dos sujeitos.

Por meio de palestras, cursos, oficinas, vivências e consultorias, o Programa leva os recursos da Mediação de Conflitos e das Práticas Restaurativas aos participantes desse universo, na expectativa de que sejam incorporados e, consequentemente, utilizados em todos os contextos do cotidiano, ultrapassando os muros escolares e refletindo seus benefícios na vida pessoal. Esta tem sido a crescente tendência de práticas internacionais bem sucedidas no contexto educacional.

A metodologia utilizada pelo Programa MEDIARE de Habilidades para o Diálogo nas Escolas é customizada para cada instituição de ensino, leva em consideração a cultura particular de cada estabelecimento e estimula a coautoria na sua construção. Dessa forma, a instituição escolar ou universitária poderá optar por programas que se dediquem ao aprimoramento e manutenção do diálogo para seus diferentes segmentos, com linguagem adaptada para distintas faixas etárias e níveis de compreensão. A sustentabilidade deste aprendizado também é tema da metodologia empregada.

De amplo alcance social em termos de benefícios, o Programa MEDIARE de Habilidades para o Diálogo nas Escolas possibilita em linhas gerais: (i) atuar de forma colaborativa, aprimorando a capacidade de ouvir e ser ouvido; (ii) aprender a manejar de maneira positiva as divergências, impasses ou conflitos; (iii) aperfeiçoar a capacidade de criar soluções pacíficas e em benefício mútuo; (iv) utilizar adequadamente o poder: hierárquico, de conhecimento ou de outra natureza; (v) reduzir o nível de conflito intra e extraclasse – problemas de disciplina e incidentes de violência; e (vi) aprimorar a comunicação e os entendimentos entre todos os segmentos do universo escolar.

Mediação de Conflitos, Facilitação de Diálogo e Facilitação de Práticas Restaurativas

Membros da equipe MEDIARE poderão atuar como mediadores ou facilitadores em situações de conflito entre os integrantes da comunidade escolar (alunos, docentes, funcionários, responsáveis etc) ou, ainda, como facilitadores de diálogo em reuniões com múltiplas partes, visando o entendimento ou o consenso.

Capacitação de Mediadores Escolares ou de Facilitadores de Práticas Restaurativas

A equipe MEDIARE poderá oferecer, ou desenhar em coautoria com a instituição, programas customizados para a capacitação de mediadores ou facilitadores de práticas restaurativas.

Cursos, palestras, workshops

Com distintas possibilidades de carga horária e de composição programática, a equipe desenvolverá atividades docentes customizadas sobre temas afetos às habilidades para o diálogo, à comunicação produtiva, à gestão de conflitos e de pessoas, e às práticas restaurativas.

Coordenadoras do Setor

monicalobo

Monica Lobo

Pedagoga e Psicóloga pela PUC-Rio. Especialização pelo Centro de Estudos de Psicopedagogia de Buenos Aires e em Terapia de Família pela Núcleo-Pesquisas RJ. Curso de extensão em Práticas Colaborativas no Direito de Família. Experiência clínica como Psicopedagoga e Terapeuta de família e casal.

Ver Detalhes
vaniaizzo

Vânia Izzo de Abreu

Graduação em Psicologia. Mediadora Sênior do TJRJ. Terapeuta de Família. Pós-graduação em Violência Doméstica. Formação MEDIARE em Mediação de Conflitos. Integra a Câmara de Mediação da OAB\RJ. Experiência na gestão de projetos em organizações da Sociedade Civil.

Ver Detalhes

Mediadores

adriananovis

Adriana Novis

Graduação em psicologia e fonoaudiologia. Formação em psicanálise e psicomotricidade. Especialização em psicoterapia infanto-juvenil. Formação MEDIARE em Mediação de Conflitos. Experiência em clínica psicanalítica e na administração pública e privada.

Ver Detalhes
brunot

Bruno Tovar

Graduação em Engenharia. Mestrando em Educação. Especializações em Educação Infantil, em Amadurecimento Lúdico, em Finanças Corporativas e em Gestão Empresarial. Formação MEDIARE em Mediação de Conflitos. Experiência nas áreas de gestão, marketing e finanças corporativas.

Ver Detalhes
cristianamiller

Cristiana Miller

Psicóloga especializada no atendimento de crianças e adolescentes. Capacitação em Práticas Colaborativas. Formação MEDIARE em Mediação de Conflitos.

Ver Detalhes
fernandacoutomartins

Fernanda C. do Couto Martins

Graduação em Direito. Pós-graduanda em Processo Civil. Formação MEDIARE e TJRJ em Mediação de Conflitos. Capacitada em Práticas Colaborativas no Direito de Família. Mediadora e Membro da Comissão de Mediação de Conflitos da OAB/RJ e Membro da Comissão de Práticas Colaborativas da OAB/RJ. Mediadora contratada pela Defensoria Pública/RJ.

Ver Detalhes
iana

Iana Wolfring Simões

Curso de Mediação Transformativa e Restaurativa (Modelo Circular Narrativo). Certificação Internacional de Facilitadora do YPO, ONG com foco no auto-conhecimento e desenvolvimento do indivíduo. Formação em Coaching na Soc.Latino Americana (SLA Coaching). Experiência corporativa e no comércio varejista.

Ver Detalhes
suzannab

Suzanna Brito M. de Oliveira

Graduação em Direito. Formação TJRJ em Mediação de Conflitos. Certificada pelo ICFML. Facilitadora de Práticas Restaurativas. Membro da Comissão de Mediação da OAB/RJ. Mediadora contratada da Defensoria Pública/RJ. Treinamento avançado em Mediação Transformativa.

Ver Detalhes
taniaalmeida

Tania Almeida

Mestre em Mediação de Conflitos. Pós-graduada em Neuropsiquiatria, Sociologia e Gestão Empresarial. Consultora do Setor de Mediação de Conflitos para América Latina do Banco Mundial. Integrante da Comissão de Mediação da OAB-RJ. Mediadora Sênior do NUPEMEC – TJRJ.

Ver Detalhes